Select Page

Um Deus Que Converte os Improváveis

Um Deus Que Converte os Improváveis

[Parte I/II]
Há algum tempo venho pensando sobre como, em minha própria vida, subestimo o poder de Deus e da Sua palavra. Leio a Bíblia, me deparo com tantas histórias fantásticas envolvendo o mesmo Deus que eu e você conhecemos… e ainda assim, sozinha em meu quarto, eu oro com uma fé menor que um grão de mostarda. Decido olhar para minha própria vida: dezenas de respostas de oração decoram a parede do meu quarto. E ainda assim, muitas vezes ao orar, sou mais incrédula que os fariseus da época de Jesus.
Por que? Por que nossa fé é tão pequena? Por que subestimamos tanto o poder de Deus e da sua palavra?
[Antes de mais nada, gostaria de esclarecer que este artigo é um encorajador para os que não tido fé e ânimo ao orar pela conversão de amigos, familiares e conhecidos. A Bíblia não promete uma ”conversão universal”, e eu não vou lhe dar nenhuma receita de bolo por aqui. Mas venha, fique comigo até o final, prometo que vai valer a pena].

Pense um pouco sobre sua própria conversão. Em uma escala de 10 a 0, quão provável era que você um dia se tornasse cristão?                                                      

Por algumas razões as pessoas de que gostaríamos de ver conosco na família de Deus ainda não estão, posso listar duas delas: 1- Não temos ousadia de pregar; 2- Nossas orações por elas nem chegam a subir, de tão incrédulas que são (Tiago 1:6-8)
E pelo que devemos orar? Há não muito tempo estava me questionando: o que eu peço a Deus, já que diferentemente do que pregam por aí, não é só o ”toque do Espírito” que converte? Aliás, de onde vem a fé?

”Conseqüentemente, a fé vem por ouvir a mensagem, e a mensagem é ouvida mediante a palavra de Cristo.” Romanos 10:17

Então, minha oração hoje é: ”Pai, mexa nas circunstâncias de _________ para que ele(a) perceba o quanto precisa de Ti. Coloque em seu coração desejo por Te conhecer, abre portas para que eu ou outra pessoa possa pregar a Tua palavra”.
Por mim mesma eu oro: ”Pai, ajude-me a crer num Deus que converte os improváveis… como eu! Em nome de Jesus, amém!’
Quem mais improvável que Paulo? Perseguidor da igreja, assassino de cristãos… e o próprio Jesus encontrou-se com ele. Quem mais improvável que você? Pecador, desobediente a Deus… Quem mais improvável que eu? Quem mais improvável… Podemos listar dezenas de pessoas que conhecemos… mas só esquecemos de uma coisa: o Deus que nós servimos não está preocupado com quem consideramos improváveis. Para Ele todos os que estão sem Cristo são ovelhas sem pastor. Como nós também fomos um dia! Esse mesmo Deus nos convida a parar de listar as razões pelas quais cremos que fulano não se converterá e olhar para Ele, com fé, pedindo com um coração quebrantado e crédulo: ”Pai, abre essa porta para Tua palavra entrar!!!”

Àquele que é CAPAZ de fazer INFINITAMENTE mais do que tudo o que pedimos ou pensamos, de acordo com o seu PODER que atua em nós. Efésios 3:20

Mais uma vez: eu não estou lhe dando nenhuma receita de bolo. O que quero é lhe encorajar a CONFIAR no poder de DEUS e da Sua PALAVRA, a ORAR com FÉ, com o coração em chamas. O maior desejo do nosso coração é o mesmo do coração de Deus: conversão genuína (1 Timóteo 2:4)
Não há garantias. Não há rituais mágicos e instantâneos, o que não nos impede de crer na Palavra que diz que a oração do justo é poderosa e eficaz (Tiago 5:16)
Há alguns meses, inspirado no filme ”Quarto de Guerra” fiz do meu quarto, meu quarto de guerra. Não tenho certeza de quantos meses fazem (só sei que foi esse ano), mas decidi orar com fé e persistência. Resultado: até o momento que vos escrevo mais de 50 orações já foram respondidas e entre elas, não podia faltar: conversões!

Deus continua ouvindo. Continua respondendo. Nós é que temos uma fé pequena ao pedir!

 

About The Author

Recent Reviews

Comentários

Veja Isso Também

A Arte da Pregação, Crescimento da Igreja, Evangelismo, Grupos Pequenos, Ministérios, Música Vocal

Latest