Select Page

O Batismo – O Início de Nossa Identificação Com Cristo

O Batismo – O Início de Nossa Identificação Com Cristo

“Fomos, pois, sepultados com ele na morte pelo batismo; para que, como Cristo foi ressuscitado dentro os mortos pela glória do Pai, assim também andemos nós em novidade de vida” (Romanos 6:4)

O batismo é um assunto desvalorizado hoje no mundo religioso, mas as Escrituras Sagradas lhe dão muita importância. É um assunto através do qual a igreja de Jesus se destaca, uma vez que o valoriza, enquanto para a maioria das denominações religiosas se trata apenas de uma manifestação externa de uma realidade já alcançada, ou seja, a salvação. Nas páginas do Novo Testamento o batismo é o início da vida cristã, uma vez que é chamado de novo nascimento (João 3:3). Jesus é explícito ao dizer que ninguém entra no reino de Deus sem nascer da água e do Espírito.

É quando se inicia a nossa identificação com o Senhor, uma vez que o batismo representa a morte, sepultamente e ressurreição de Cristo. Ou seja, a salvação começa no momento de sua ministração. Além disso, o batismo é a demonstração de fé no poder de Deus (Colossenses 2:12), inclusive este texto é mais claro ainda quando fala de nosso sepultamente e ressurreição em Cristo. Já o apóstolo Pedro faz uma alegoria entre o batismo e a salvação de Noé e sua família no dilúvio (1 Pedro 3:18-21): ele é claro ao dizer que o batismo nos salva e nos faz ter uma boa consciência para com Deus, por meio da ressurreição de Jesus Cristo.

O batismo é tão importante que somente uma pessoa consciente de seus pecados, que se arrepende e confessa Jesus como Senhor de sua vida pode recebê-lo (Atos 2:38 e Romanos 10:9-11). Estes textos mostram claramente que ele não deve ser ministrado a crianças.

Além disso, como aconteceu com o Senhor Jesus, no momento do batismo recebemos o Espírito Santo, nosso selo e penhor para o dia da volta de Cristo e aquele que habitará em nós até a volta do Senhor, nos capacitando a viver uma vida de santidade (Mateus 3:16, Efésios 1:13-14, Romanos 8:12-15 e 2 Coríntios 3:17-18).

Além dos diversos textos que mostram a importância do batismo, também há os exemplos. No livro de Atos, escrito que mostra as práticas da igreja primitiva, vemos que sempre que alguém se convertia a Jesus, naquele mesmo momento já era batizado. Assim aconteceu com os quase 3 mil no capítulo 2, com os ouvintes de Filipe em 8:12, o eunuco em 8:36-39, Paulo em 9:18 e 22:22, Lídia em 16:14-15, o carcereiro em 16:30-33, entre outros.

Preocupa-me quando vejo irmãos marcando datas para serem batizados, para que a data coincida com seu aniversário ou seja num local específico, como o Acampamento Monte das Oliveiras. Isto demonstra certa falta de conhecimento na importância do batismo, pois sem ele não há salvação garantida e assim, quando se entende que é perdido, precisa de um Salvador, confessa Jesus como Senhor e Salvador, arrepende-se dos pecados o próximo passado é descer às águas o mais rápido possível. Sem titubeios nem hesitações.

About The Author

Recent Reviews

Recent Comments

Veja Isso Também

A Arte da Pregação, Crescimento da Igreja, Evangelismo, Grupos Pequenos, Ministérios, Música Vocal

Latest