Você está procurando um método bíblico para fazer discípulos? Eu também. Então, existe um método mais bíblico do que a Bíblia? Não existe! Por isso mesmo acredito que temos já um passo a passo em alguns exemplos que, se adaptarmos para as nossas vidas, a igreja vai crescer horizontalmente, como é a vontade de Deus. Veja este exemplo abaixo:

1º Passo – Vá

Eram outros tempos e eles ainda eram a igreja do primeiro século e o Novo Testamento ainda estava sendo escrito. Sendo assim, eles eram guiados por Deus como um pai pega seu filho pela mão. Deus usava anjos, sonhos e outros meios para falar com seus filhos. Hoje nós não somos mais a igreja do primeiro século e não devemos ser como eles, devemos ser a igreja como temos descrita no Novo Testamento. A igreja que lemos é a igreja que Deus quer que sejamos. O Novo Testamento é um mapa para saber como chegar à perfeição que Deus quer. Naquele tempo Deus disse o que Ele quer e já que temos registrado, serve de ensinamento. Deus quer que nós vamos ao encontro de pessoas que precisam de Jesus.

Filipe era um homem de compartilhar o evangelho. Deus usa quem já está com a mão no arado e não olha para trás. Filipe tinha acabado de pregar em Samaria e batizou muitos falando de Jesus. Ele já estava em ação, então aprendemos a não esperar a oportunidade, vamos! Deus usa quem está à Sua disposição e os capacita. Então, disponha-se, levante e vá!

“Um anjo do Senhor disse a Filipe: “Vá para o sul, para a estrada deserta que desce de Jerusalém a Gaza”. (At 8:26)

2º Passo – Atitude

Deus também quer que nós obedeçamos. Filipe se levantou e foi. Agora que já sabemos o que Ele quer, tá na hora de levantar e ir. Indo é que vamos encontrar quem precisa de Jesus. Como vamos reconhecer? A oportunidade vai ser clara. No caso de Filipe ele soube ao chegar lá. Eu sempre digo que sou ruim de endereço e acho que o GPS é uma bênção de Deus aos homens perdidos geograficamente. Uso isso como ilustração. Eu, se não tivesse GPS, iria até onde eu sei, chegando até onde eu sei, pergunto o que eu não sei. Foi levantando e indo que Filipe descobriu.

“Ele se levantou e partiu. No caminho encontrou um eunuco etíope, um oficial importante, encarregado de todos os tesouros de Candace, rainha dos etíopes. Esse homem viera a Jerusalém para adorar a Deus e, de volta para casa, sentado em sua carruagem, lia o livro do profeta Isaías.” (At 8:27-28)

3º Passo – Aproxime e Acompanhe

Como compartilhar o evangelho? Não se preocupe, o Espírito Santo vai ajudar. No caso de Filipe e para nosso ensinamento aprendemos duas atitudes ao descobrir um alvo para a cruz: aproximar e acompanhar. Foi o que o Espírito Santo disse a Filipe.

“E o Espírito disse a Filipe: “Aproxime-se dessa carruagem e acompanhe-a”.  (At 8:29)

4º Passo – Aproveite a Oportunidade

Foi quando Filipe se aproximou e começou a acompanhar que ele ouviu que o Eunuco estava lendo o livro do profeta Isaías. Se Filipe tivesse receio de se aproximar e acompanhar, ele nunca teria ouvido a oportunidade. A oportunidade era tão clara que ao ouvir a leitura e talvez ver a reação de dúvida do Eunuco, Filipe já sabia o que deveria fazer, ou perguntar.

“Então Filipe correu para a carruagem, ouviu o homem lendo o profeta Isaías e lhe perguntou: “O senhor entende o que está lendo?” Ele respondeu: “Como posso entender se alguém não me explicar?” Assim, convidou Filipe para subir e sentar-se ao seu lado.” (At 8:30-31)

5º Passo – Fale Sobre Jesus

O Eunuco estava lendo o profeta Isaías e a passagem estava falando do Cordeiro de Deus. Oportunidade mais clara do que essa só se a pessoa batesse à porta da igreja e pedisse para que alguém lhe dissesse sobre o que fazer para ser salvo. Não importa o que seja, o objetivo é falar de Jesus. Só Jesus cria fé (Rm 10:17). Só o nome de Jesus salva (At 4:12). Ele é o Autor e Consumador da existência de todas as coisas. Vamos falar de Cristo e nada mais. Jesus vai ensinar tudo o mais que precisa.

“O eunuco estava lendo esta passagem da Escritura: “Ele foi levado como ovelha para o matadouro, e, como cordeiro mudo diante do tosquiador, ele não abriu a sua boca. Em sua humilhação foi privado de justiça. Quem pode falar dos seus descendentes? Pois a sua vida foi tirada da terra”. O eunuco perguntou a Filipe: “Diga-me, por favor: de quem o profeta está falando? De si próprio ou de outro?” Então Filipe, começando com aquela passagem da Escritura, anunciou-lhe as boas-novas de Jesus.” (At 8:32-35)

6º Passo – Ensinar Um Novo Nascimento

O Eunuco viu água e pediu o batismo. Sobre o que eles conversaram no caminho? Certamente eles conversaram sobre batismo. Aprendemos também que uma pessoa precisa ter fé para ser batizada e que a alegria do Espírito Santo habita no coração daquele que obedecerem o evangelho.

“Prosseguindo pela estrada, chegaram a um lugar onde havia água. O eunuco disse: “Olhe, aqui há água. Que me impede de ser batizado?” Disse Filipe: “Você pode, se crê de todo o coração”. O eunuco respondeu: “Creio que Jesus Cristo é o Filho de Deus”. Assim, deu ordem para parar a carruagem. Então Filipe e o eunuco desceram à água, e Filipe o batizou. Quando saíram da água, o Espírito do Senhor arrebatou Filipe repentinamente. O eunuco não o viu mais e, cheio de alegria, seguiu o seu caminho.” (At 8:36-39)

7º Passo – Repita

Um consultor cobrou caro para dizer ao empresário o que fazer para ter sucesso e os conselhos deram resultados. Depois o empresário o consultou novamente e ele cobrou mais caro ainda. O empresário desesperado por mais resultado perguntou: “O que devo fazer agora”. O consultor simplesmente disse: “Repita o que você fez”.

Para que nós possamos ter sucesso em fazer discípulos, devemos repetir e repetir. A missão da igreja é fazer discípulos. Tudo o que fazemos deve ser feito para que façamos mais discípulos e continuemos a ensiná-los todas as coisas até que Jesus volte (Mt 28:18-20).

Todos os ministérios, toda a coleta, a pregação, todos os esforços devem ser para fazer discípulos. Vamos ter menos problemas quando nossa principal preocupação for fazer discípulos, pois quem está ocupado não tem tempo parar criar e para gastar tempo com os problemas. Quando precisarmos, Deus vai providenciar pessoas para cuidar dos problemas. Quanto ao resto de nós, vamos fazer discípulos.

O Eunuco não foi a última pessoa para quem Filipe falou de Jesus.

“Filipe, porém, apareceu em Azoto e, indo para Cesareia, pregava o evangelho em todas as cidades pelas quais passava.” (At 8:40)

Conclusão

Vamos! Levantemos de onde estamos e vamos encontrar as pessoas. Vamos nos aproximar e acompanhar as pessoas para que possamos ver as oportunidades aparecendo. Vamos fazer e aproveitar as oportunidades. O que falar? Só sobre Jesus. Não entremos em discussões, vamos falar de Jesus e deixe o resto para depois. Se as pessoas, inclusive os religiosos como o Eunuco, não aceitarem a Jesus, então não vamos perder tempo em outros ensinamentos dando pérolas aos porcos. Vamos ensinar a palavra, fé, arrependimento, batismo e perseverança. Depois de termos feito muitos discípulos, repitamos a receita. Deus nos abençoe para fazer mais discípulos. Quem faz alguma coisa, nunca sabe qual vai ser o resultado. Quem não faz nada, já sabe qual é o resultado. Deus dá o crescimento para a igreja que prega o evangelho.