Select Page

A Família Como Reino de Deus – “A Habitação e o Escudo da Família Governada por Deus”

A Família Como Reino de Deus – “A Habitação e o Escudo da Família Governada por Deus”

INTRODUÇÃO

Vivemos num país religioso e supersticioso. No final de casa ano muitos ainda fazem questão de entrar o ano novo vestindo roupa branca para atrair somente o positivo.

Há aqueles que adoram a Bíblia, ao invés de valorizar o conteúdo que ela contém. Muitas elogiam a Palavra de Deus, falam bem dela, mas quando indagadas sobre o seu conteúdo, boa parte se mostra ignorante quanto aos ensinamentos lá encontrados.

Um tipo de superstição ainda existente em muitas famílias, é deixar a Bíblia aberta no Salmo 91. Imaginam que, pelo conteúdo do salmo, por si só, a casa estará protegida. Esquecem que a Bíblia fechada é um livro comum, mesmo aberta e não lida, continua sendo um livro comum e mesmo lida e não praticada por aqueles que leem, pouco pode fazer.

Porém, quando lida, obedecida, valorizada de fato, grandes milagres podem acontecer na vida da pessoa e da família que “arrisca” colocar em prática no dia a dia o seu ensinamento.

Assim, quero tirar algumas lições do Salmo 91, um salmo escrito para qualquer pessoa ou família que, como diz o título do salmo em algumas bíblicas, faz de Deus seu escudo, sua proteção, que faz questão de habitar à sombra de Deus, o Onipotente.

“Aquele que habita no esconderijo do Altíssimo e descansa à sombra do Onipotente diz ao SENHOR: ‘Tu és o meu refúgio e a minha fortaleza, o meu Deus, em quem confio.”’ – Salmo 91:1-2

I – O LUGAR DE HABITAÇÃO DA PESSOA INABALÁVEL

Vejamos as diversas traduções do versículo 1:
RA – “O que habita no esconderijo do Altíssimo”
AA – “Aquele que habita no esconderijo do Altíssimo”
NVI – “Aquele que habita no abrigo do Altíssimo”
NTLH – “A pessoa que procura segurança no Deus Altíssimo”

Habitar é morar de maneira permanente, com intenção de ficar, fixar moradia. É diferente de pernoitar, de ficar um tempo, de experimentar por um tempo.

Podemos ver isso no Salmo 1: “Bem-aventurado o homem que não ANDA no conselho dos ímpios, não se DETÉM nos caminhos dos pecadores, nem se ASSENTA na roda dos escarnecedores”.

Há uma continuidade perigosa, ANDA, DETÉM, ASSENTA. Próximo passo naquele salmo: habitar com os maus, com os rebeldes.

Salmo 23, no final: “Habitarei na casa do Senhor para todo o sempre”.

Portanto, este salmo não é dirigido àquele que apenas abre a Bíblia deixa a Bíblia aberta na sua casa – somente.
Não é para aquele que pensa em Deus somente no domingo, na Páscoa, no Natal – é direção para aquele que decidiu DE MANEIRA DEFINITIVA, ter Deus como seu esconderijo ou abrigo, AQUELE QUE FAZ PARTE DO REINO/GOVERNO DE DEUS – Famílias deixam a Bíblia aberta, não é suficiente.

Este salmo é para você e sua família…
Que olhou para o plano de Deus,
Meditou no plano de Deus…
Pensou no plano de Deus…
Decidiu ser fiel a Jesus ou fazer de Deus sua morada ATÉ A MORTE.

De maneira prática…
Deus e sua Palavra são seu esconderijo, seu abrigo…

Proteção do que? Inimigos espirituais, mensagens não verdadeiras, valores que não são de Deus.

Sentimos insegurança…
Numa enfermidade, no momento de desemprego, num relacionamento desfeito, na perda de um ente querido…
Podemos correr para psicólogos, para a bebida, para as baladas, para as farras, mesmo para os médicos, a exemplo do rei Asa, confiou mais nos médicos (2 Crônicas 16:12).
Ou corremos para o Senhor, para o seu esconderijo, para nosso momento a sós com Ele,

Permanentemente…
Através de uma vida de oração sem cessar;
Através de uma vida de leitura e meditação na Palavra de Deus;
Através do silêncio contemplativo diante do Senhor;
Unido ao povo de Deus, na família de Deus, a igreja.
Depois de uma semana – podemos chegar inseguros, tristes, ansiosos, podemos encontrar a Palavra do Senhor, o estímulo dos irmãos…

Habitação, fala de esconderijo,
Onde vou recompor minhas forças…
Onde vou recarregar minhas forças espirituais,
Uma caverna, um ambiente de segurança, distante das tempestades da vida.

Um hóspede permanente tendo o Senhor como sua habitação.
Pensamento oriental – dona da casa oferecia sua vida para proteger seu hóspede – Exemplo: Ló, Abraão
Aqui, Deus é o dono de nossa hospedaria – onde moramos de forma permanente.
Casa deveria ser isto – depois de um dia exausto, vamos para casa, onde Deus habita de maneira especial.

NTLH – “A pessoa que procura segurança no Deus Altíssimo”
Não nascemos nesta segurança…
Olhamos a segurança do mundo: dinheiro, poder, fama, saúde…
Desistimos de tudo isto – e buscamos a verdadeira segurança, encontrada no Altíssimo, no Todo-Poderoso.

Mais do que alto, ALTÍSSIMO, tudo em Deus é superlativo.
Santíssimo, boníssimo, grandioso, ALTÍSSIMO.
Nada encobre Ele, Ele está acima de tudo – daí a nossa segurança.
Composto por Moisés, que experimentou estar escondido na nuvem do Todo-Poderoso.
Habitar no abrigo, na segurança, no esconderijo do ALTÍSSIMO é uma escolha minha e sua, de nossas famílias, pedacinhos do reino de Deus, que juntos, formam a igreja de Jesus.
Escolhemos no dia de nosso batismo e vamos renovando esta escolha diariamente.

II – O LUGAR DE DESCANSO DA PESSOA INABALÁVEL

De novo, vejamos as várias diversas traduções:
RA – “e descansa à sombra do Onipotente”
NTLH – “se abriga na sombra protetora do Todo-Poderoso “
AC – “à sombra do Onipotente descansará.”
NVI – “e descansa à sombra do Todo-poderoso “

Viver à sombra é não se afastar…
Parábola da ovelha perdida (Lucas 15) – ela se afasta, se perde, se machuca…
O pastor vai atrás – A ideia é não ir além da sombra do Pastor.
É, de fato, estar tão ligado, que não se afasta…

Quando vamos nos afastamos…
Quando vamos deixando de orar,
Quando vamos deixando de nos alimentar da Palavra,
Quando Jesus não tem acesso lá em casa, Ele tem que ficar batendo e insistindo para entrar, como a igreja de Laodicéia – Apocalipse 3:20.
Quando vamos deixando de congregar.

Lugar de descanso, é lugar de regozijo, de prazer…
Está no Senhor, descansando nele, se alegrando nele

Descansar à sombra do Todo-Poderoso…
É não se preocupar, é aprender a ter nele segurança…
É saber que a segurança está nele, assim não há lugar para ansiedade.
Onipotente – Todo-Poderoso, tem controle.
Nada escapa de seu controle e Ele é Altíssimo, estou debaixo de sombra.
Sombra protege, dá paz, da alegria, dá alívio do sol escaldante.

Lembrando que eu posso ser rebelde e querer viver longe da sombra do Onipotente. Aí, sim, terei que temer mesmo.
Enquanto estou nele, descansando nele, o que acontecer, estará no controle dele.

Estar na sombra de Deus é saber que estamos cercados do seu amor
Quantos pedidos são feitos durante o ano e quantos ele responde?
Como somos supridos durante todo o ano por seu amor e cuidado?

No Velho Testamento, uma nuvem durante o dia protegia contra o sol, uma tocha de fogo à noite, protegendo contra animais, frio e da escuridão total (Êxodo 13:21).

III – HABITANDO COM O SENHOR, DESCANDO À SUA SOMBRA

Se você e eu vivemos permanentemente tendo Deus como nossa habitação. Se descansamos à sua sombra, olha só o que podemos proclamar, no versículo 9:

RA – “Diz ao SENHOR: Meu refúgio e meu baluarte, Deus meu, em quem confio.”
NTLH – “pode dizer a ele: “Ó SENHOR Deus, tu és o meu defensor e o meu protetor. Tu és o meu Deus; eu confio em ti.”
AA – “pode dizer a ele: “Ó SENHOR Deus, tu és o meu defensor e o meu protetor. Tu és o meu Deus; eu confio em ti.”

Meu Refúgio – da perseguição do diabo, da tristeza, dos desânimos.
Meu Defensor – dos que me caluniam, das condenações do diabo, da condenação dos que não seguem a Deus – Romanos 8:32-33.
Meu protetor – Escudo, rocha, fortaleza, é o nosso Deus.
Ele é o meu Deus – possessivo, Ele é seu, você é Dele, em Cristo, filho Dele e nada é capaz de nos separar dele.

Todos têm esse privilégio? NÃO!
É exclusivo para aquele que um dia fez de Deus sua HABITAÇÃO PERMANENTE e seu DESCANSO.

CONCLUSÃO

“Em Deus, nossa vitória não depende de nada neste mundo, é garantida, pois é baseada na pessoa dEle”.
Pergunta que Deus nos faz: “Crês tu nisto?” (João 11:26)
Vivamos, então, moremos com Ele, descansemos, e proclamemos essa realidade para Ele, para nossos irmãos, EM CASA, quebrando essa corrente de negativismo que assola nosso país, que assola as famílias.
Deus, socorro, segurança e fortaleza da minha casa, um pedacinho do reino de Deus aqui na terra. Aleluia!

About The Author

Recent Reviews

Comentários

Veja Isso Também

A Arte da Pregação, Crescimento da Igreja, Evangelismo, Grupos Pequenos, Ministérios, Música Vocal

Latest