O Jovem e as Tâmaras

0
24

Existe um ditado árabe que diz: “Quem planta tâmaras, não colhe tâmaras! ” Isso porque, as tamareiras levavam aproximadamente 100 anos para produzir os primeiros frutos. Hoje em dia, com as técnicas de produção e as modernidades existentes, esse tempo é bem menor, mas o ditado é antigo e cheio de sabedoria.

Conta-se que certa vez um senhor de idade já bem avançada plantava tâmaras em um deserto quando um jovem ao ver a cena foi logo perguntando:

Por que o senhor perde tempo plantando o que não vai colher? ”.

O senhor virou a cabeça devagar e com toda, calma do mundo respondeu:

“Se todos pensassem como você, ninguém colheria tâmaras”. Ou seja, não importa se você vai colher, o que importa é o que você vai deixar para as futuras gerações…

Plante, construa ações que não sejam apenas para você, mas que possam servir para todos os que virão depois. As nossas ações de hoje, vai, com certeza, refletir no futuro de outros.

Tem outro ditado popular que diz assim: “Aquilo que plantamos é o que vamos colher”. Isso é uma grande verdade, imagine você não gostaria de ter uma horta e ao semear salsinha nascesse coentro, isso seria para você uma decepção.

Pode ter certeza que vamos colher o que plantamos. Na vida vamos plantar boas ações, com amor no coração, sem pensar na colheita, lembra do senhor que não pensava na colheita das tâmaras?

O meu mandamento é este: amem-se uns aos outros como eu os amei.
Ninguém tem maior amor do que aquele que dá a sua vida pelos seus amigos“.João 15:12,13. Este é o mandamento que vos deixo”.

Este mandamento que Jesus proferiu aos seus discípulos, ocorreu na ceia, na noite anterior à sua morte, lembrando, talvez, que muitos que gritariam a favor de sua crucificação, seriam vários daqueles que haviam sido curados e atendidos por ele.

Não importa se você vai ou não comer tâmaras. Plante! A tâmara que você come hoje, com certeza, alguém um dia as plantou. Se você conheceu a palavra de Deus é porque alguém um dia pregou pra você.