Venha a Nós o Teu Reino!

Às vezes, nas aulas bíblicas, pergunto: “O que é o reino de Deus?” A resposta é automática: “A igreja”. Portanto, se o reino já veio, não precisamos mais repetir essa frase da oração de Jesus “venha a nós o vosso reino”, certo? A resposta geralmente é concordar-se com esta ideia.

“Portanto, vós orareis assim: Pai nosso, que estás nos céus, santificado seja o teu nome; venha o teu reino; faça-se a tua vontade, assim na terra como no céu” – Mateus 6:9-10 (grifo do autor)

Aprendi no início da vida cristã que o reino de Deus é a igreja e esse reino foi estabelecido em Jerusalém no dia de Pentecostes. E pronto!
Hoje, vejo que dependendo da maneira como entendemos o termo “igreja” podemos “apequenar” o sentido do reino de Deus. Concordo com um irmão quando ele diz que a igreja é “uma parte do reino de Deus”.

A expressão reino de Deus não se limita a um local geográfico, mas ao governo de Deus na vida das pessoas, iniciando dentro de cada ser humano que entrega o comando da sua vida a Deus, conforme o próprio Jesus observa em Lucas 17:21.

Assim, apesar de há 20 séculos o reino de Jesus estar em expansão, há várias e várias criaturas de Deus que ainda não se renderam ao senhorio do Senhor Jesus.

Às vezes ouço a expressão: “ser cristão na igreja é fácil, difícil é quando estamos fora dela”, infelizmente, uma frase que reduz o reino aquela reunião de domingo. Uma vez que somos servos de Jesus, onde estivermos, jamais estaremos fora da igreja, ou do reino e governo de Deus.

Neste sentido, podemos orar, sim, “venha a mim, ou a nós, o vosso reino” lá na empresa, entre meus colegas, lá na escola entre aqueles que estudam comigo, entre os meus vizinhos…

Cada discípulo de Jesus é convidado a fazer outro discípulo, na expansão contínua que deve existir no reino de Deus ou no acréscimo dia a dia dos que vão sendo salvos (Atos 2:47).

Porém, não para aqui a ideia do crescimento do reino, na realidade ele começa entre aqueles que estão mais próximos de cada discípulo.

Começando em casa, podemos e devemos orar para que o reino ou o governo de Deus venha sobre cada membro da família. Em contato com as famílias e mesmo na minha família, Jesus ainda não reina plenamente na vida de nós. Claro que estamos em crescimento, queremos que o Senhor sinta-se cada vez mais a vontade entre nós lá em casa. Porém há momentos em que não amamos uns aos outros, que não agimos como um seguidor e há áreas em nossa família que precisamos pedir dia a dia que Jesus reine de maneira plena na minha vida, da esposa e dos filhos. Somente assim, como escreveu Paulo Bottaro, a família será uma igreja em miniatura.

Jesus reinará de maneira cada vez mais plena quando cada família que compõe a igreja estiver totalmente submissa ao senhorio do Senhor e, olhando para nossas famílias, há filhos, há esposas, há tios, primos, entre outros, a serem conquistados para o reino de Jesus.

Quanto mais Jesus dominar sobre minha família, mais ela será uma arma poderosa na propagação do evangelho e no crescimento do reino do Senhor aqui na terra.

Assim, sim, Senhor, venha o teu reino, seja feita a Tua vontade total, aqui na terra, na minha casa, na minha vida, como é feita no céu. Amém!

Valdir Silva
Sobre Valdir Silva 65 Artigos
Valdir José da Silva é servo de Deus na cidade de Guarulhos e editor do boletim inter-congregacional Amo Jesus. Discípulo de Jesus há quase 30 anos, é servidor público Estadual no Tribunal de Justiça de São Paulo e serve como um dos evangelistas da igreja de Cristo no Bairro dos Pimentas, Guarulhos/SP.