Um Mês Transformador

As pessoas vão se transformando conforme se aproxima o final de ano. Elas se tornam mais amorosas, mais alegres, elas pedem paz mesmo que guerrearam durante os onze meses anteriores, são mais solidarias, elas tem a paciência aumentada que em outra época do ano essas pessoas não teriam.

Essas mesmas pessoas passam a ter mais compaixão, se tornam mais bondosas, mostram mais seu lado fraternal nesse mês do ano. Às vezes aquela pessoa no seu trabalho que esteve ao seu lado durante todo ano e você pouco se falou com ela, no dia da confraternização da empresa você abraçou a mesma e desejou pra ela um FELIZ ANO NOVO, isso é maravilhoso, uma pena que isso dure somente até o dia 01 de janeiro e, no primeiro dia útil do ano volta tudo ao normal.

O final de ano desperta nas pessoas os sentimentos mais nobres que agradam a Deus, não por acaso temos isso dentro de nós, essas características vem da nossa criação, pois fomos feitos a imagem e semelhança de Deus, (Gênesis 1:27) a essência de Deus está em nós.

O AMOR, por exemplo:

“Quem não ama não conhece a Deus, porque Deus é amor. (1 João 4:8)

Só que esse amor não é o amor que o mundo conhece, mas o verdadeiro AMOR de Cristo Jesus.

A alegria:

Os preceitos do Senhor são justos, e dão alegria ao coração. Os mandamentos do Senhor são límpidos, e trazem luz aos olhos. (Salmos 19:8)

Os atributos de Deus nos trás alegria não aquela alegria que o mundo oferece, mas a alegria de servir a Deus.

A Paz

Deixo-lhes a paz; a minha paz lhes dou. Não a dou como o mundo a dá. Não se perturbem os seus corações, nem tenham medo”. (João 14:27)

Essa paz não é a paz que o mundo pede, mas a paz que Jesus, somente Jesus é capaz de proporcionar.

A paciência/compaixão

Mas tu, Senhor, és Deus compassivo e misericordioso, muito paciente, rico em amor e em fidelidade. (Salmos 86:15)

Quantas vezes perdemos a paciência, imagina se Deus perdesse a paciência conosco?

Precisamos ser diferentes e não nos amoldar aos padrões do mundo porque somos diferentes e isso não somos nós que estamos dizendo.

Vocês, porém, são geração eleita, sacerdócio real, nação santa, povo exclusivo de Deus, para anunciar as grandezas daquele que os chamou das trevas para a sua maravilhosa luz”. (1 Pedro 2:9)

Por isso fomos transformados e precisamos nos deixar transformar todos os dias da nossa vida.

Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus. (Romanos 12:2)

Temos motivos de sobra para continuar nos esforçando para produzir.

Mas o fruto do Espírito é amor, alegria, paz, paciência, amabilidade, bondade, fidelidade, mansidão e domínio próprio. Contra essas coisas não há lei”. (Gálatas 5:22,23)

J Araujo
Sobre J Araujo 32 Artigos
J Araújo, servo do Senhor há mais há 5 anos. É editor do site e do Canal no YouTube da Igreja de Cristo Guanabara - Campinas, SP. Casado com Darcy, pai por ordem de idade, de Michele, Thais e Lucas.