A Origem de Grupos Pequenos

0
24

Você já conhece grupos pequenos, afinal, você sempre fez parte de um, não é? Lembra da sua família? Então, isto é um grupo pequeno e exatamente isso que nós queremos replicar. Um grupo pequeno de estudos bíblicos aprende a agir como uma família onde uns cuidam dos outros.

As maiores e mais prosperas ações divinas começam com grupos pequenos. A instituição da familia começou com dois indivíduos diferentes entre si, mas que se complementam e reproduzem. Deus planejou o crescimento para este grupo pequeno chamado família.

Aquela família cresceu tanto e se desviou tanto que Deus decidiu começar de novo. Ele anunciou algo tido como impossível para o ser humano: uma chuva destruidora. O dilúvio foi redentor e apocalíptico. Mesmo em face ao final da humanidade Deus mostrou sua paciência e misericórdia. Ele notou um homem que seria o portador da esperança ou condenação do mundo: Noé. Ele pregou por cem anos sobre o dilúvio e ao mesmo tempo construiu a Arca demonstrando sua fé. Deus não lhe deu poderes especiais para construir a Arca, somente sua família e sua fé.

Novamente Deus decidiu recomeçar a humanidade com um grupo familiar pequeno. Depois de 40 dias na Arca, aquelas oito pessoas saíram e a primeira coisa que fizeram foi edificar um altar. O ser humano sabe que tem que buscar a Deus em primeiro lugar.

Deus sempre teve o eterno propósito de salvar a humanidade. Antes de escolher uma nação, Ele formou uma nação para ser Seu povo. Ele começou com um grupo bem pequeno. Homem e mulher, como no inicio. Eles não podiam ter filhos e tentaram dar ‘uma maozinha’ para Deus e a mulher deu ao seu marido sua conconbina, mesmo tendo a promessa de que Deus lhes daria um filho. Esta dúvida e atitude precipitada lhes trouxe problemas e para os seus descendentes até hoje. Abraão e Sara finalme tiveram o cumprimento da promessa divina e o grupo pequeno cresceu lhes nascendo Isac. Por este grupo pequeno Deus fez uma nação.

Notou que em todos os grupos pequenos Deus planejou o crescimento? Pequeno é só pra começar e não pra continuar e sobreviver.

Se você tem um grupo pequeno, uma igreja pequena, Deus espera que você confie Nele e não agrade os seus olhos como fez Eva. Que você não perca a esperança por mais que pareça demorado e seja perseverante. Que você mostre a sua confiança agindo e pregando. Que você confie nas promessas do Senhor e não se precipite em querer ‘ajudar’ a Deus tentando fazer algo que Ele prometeu fazer. Quando você confiar que Ele satisfaz os desejos dos nossos corações, quando você não perde a esperança e é perseverante, quando você não se precipita e espera nas promessas, então o seu grupo pequeno crescer forte e saudável.